sexta-feira, 22 de setembro de 2017

RJ: Campanha de adoção 'Ajuda Animal Ilha' acontece no ParCão da Ilha do Governador, neste sábado (23/09)



Rio de Janeiro, RJ. Neste sábado, dia 23/098, acontece mais uma edição da Campanha de Adoção de cães e gatos do Ajuda Animal Ilha. O evento acontece das 10h às 16h, no ParCão Ilha, que fica na Avenida do Magistério, em frente ao nº 330,  Corredor Esportivo, Moneró,  Ilha do Governador / RJ. 

Na campanha estarão presentes animais filhotes e adultos que foram resgatados na Ilha do Governador, alguns foram vítimas de maus-tratos e abandonados. São bichinhos que precisam de um lar cheio de amor para aprender que mesmo depois de tudo o que passaram, ainda podem ser felizes e levar felicidade para muitos lares.
.
Para adotar é preciso ter mais de 21 anos, apresentar documento de identidade e comprovante de residência (original e xerox).

Quem quiser ajudar os animais resgatados do Ajuda Animal Ilha pode fazer doações de ração seca ou pastosa (cão ou gato), material de limpeza (sabão em pó, água sanitária) , jornais, comedouros, guias e coleiras, remédios e vermífugos! 

Ao adotar um animal do Projeto Ajuda Animal Ilha, além de salvar uma vida, você dá chance para que que o grupo resgate outros animais! Não pode adotar? Divulgue muito o evento para que esses lindos bichinhos tenham mais chances de conseguir uma família! Adote, não compre! Compareça!
.
Confirme sua presença no evento: www.facebook.com/events/885203578298940/

Serviço: Campanha de adoção 'Ajuda Animal Ilha'. Avenida do Magistério, em frente ao nº 330, Corredor Esportivo, Moneró,  Ilha do Governador/RJ. Sábado, dia 23 de setembro de 2017, das 10h às 16h. Entrada franca.


RJ: Ampara Animal realiza neste sábado campanha de adoção de cães e gatos no Leblon (23/09)



Rio de Janeiro, RJ. Neste sábado (23/09), a OSCIP AMPARA Animal – Associação das Mulheres Protetoras dos Animais Rejeitados e Abandonados, vai realizar mais uma campanha de adoção na Pet Fantasy, no Leblon. Cerca de 12 animais, entre cães e gatos, estarão à espera de uma nova família amorosa e responsável.

Para adotar um animal é necessário levar  documento de identidade, CPF e comprovante de residência. Os adotantes também devem assinar um termo de responsabilidade, emitido pela Ampara.

O evento também terá uma feira com produtos e acessórios personalizados, cuja renda será totalmente revertida em prol da causa animal.

Serviço: Campanha de adoção da OSCIP AMPARA Animal. Pet Fantasy. Rua Dias Ferreira, 199, Leblon, RJ. Sábado, dia 23 de setembro, das 11h até às 17h. Contato Pet Fantasy: (21) 2239-1063. Contato Ampara Animal: contato.rj@amparanimal.org.br

terça-feira, 19 de setembro de 2017

Exercitando-se com seu cão


Cães podem ajudar a perder peso. Foto: Pixabay

Muitas pessoas usam a rotina agitada como desculpa para não praticar exercícios físicos. Mas e se aproveitar com o cachorro para malhar também? Caminhar, correr, jogar frisbee e bicicleta, são algumas maneiras de espantar a preguiça e praticar atividades físicas com seu companheiro de quatro patas!

Foto: Divulgação
Fazer exercícios físicos é sempre uma tarefa saudável, mas exige uma série de cuidados para que você e seu cão não sintam as dores depois. Antes de sair por aí correndo com o seu pet, é preciso que você saiba que cães têm limitações e precisam de cuidados.

Confira algumas dicas que o médico veterinário da Naturalis e Gerente Técnico Nacional da Total Alimentos, Marcello Machado, fala sobre o assunto e que fazem a diferença para a saúde e segurança do seu cão.

1 - Durante os exercícios de água ao seu cachorro, mas é importante que a quantidade de água durante os exercícios não seja alta, apenas o suficiente para hidratá-lo, para não causar nenhum desconforto no sistema digestivo do cão.

2 - O cachorro nunca pode se exercitar após a alimentação, pois pode ocorrer uma torção gástrica. Espere de uma a duas horas para praticar a atividade.

3 - Não passeie com seu cão quando estiver muito quente, pois pode prejudicar a respiração devido a temperatura do ar e machucar os cochins (almofadinhas das patas).

4 - Roupas de plástico não são muito boas para os cães durante os exercícios, pois podem aumentar a temperatura corporal e ficar desconfortáveis para o cão se locomover.

5 - Ande sempre lado a lado com o cachorro, assim você evita machucá-lo ao puxar sem querer a coleira

Agora que você já tem as dicas, já pode se aquecer para se exercitar com o seu companheiro!


domingo, 17 de setembro de 2017

'Segunda Sem Carne': Tabule de quinoa


Sempre fui apaixonada por tabule. Acho uma salada prática e muito fácil de fazer. Mas tô evitando o trigo e aí resolvi fazer uma troca do trigo pela quinoa, foi da minha cabeça mesmo. Então, como boa preguiçosa que sou, comprei a quinoa orgânica pronta, cozidinha. Mas quem quiser pode comprar e ferver, porque se você não ferver, ela fica amarga. Eu optei pela praticidade e comprei a vazpa, que você encontra aqui. Pra acompanhar, a rainha da preguiça comprou saladinha pronta de cenoura e beterraba no Hortifruti. Aff, a preguiça... Confiram a receita desse tabule delicioso! 

Receita de Tabule de quinoa

Ingredientes:

250 gramas de quinoa cozida
6/7 tomates cortados em cubinhos, sem sementes (eu usei o italiano)
1 pimentão grande cortado em cubinhos
1 maço de hortelã (usei orgânico e só coloquei as folhas)
Orégano a gosto (opcional)
Pimenta caiena a gosto (opcional)
Sal a gosto
Azeite a gosto

OBS: Como já disse, optei pela quinoa pronta. Como só usei as folhas do maço de hortelã, aproveitei o que sobrou pra fazer um delicioso chá. Bom apetite! Se tiver alguma dúvida, deixe nos comentários! Namastê!

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Center Shopping Rio realiza 3ª edição da campanha de adoção de cães e gatos, neste sábado (02/09)

Ação é em parceria com a ONG AdotaPetz




Rio de Janeiro, RJ. O Center Shopping Rio promove, neste sábado (02/09), a 3ª edição da campanha de adoção de cães em gatos, em parceria com a ONG AdotaPetz. A ação tem entrada gratuita e acontece das 13h às 18h, no 3º piso do empreendimento.

Pets aguardam uma família. Foto: Divulgação
A campanha disponibilizará cerca de 15 animais aos visitantes que desejarem adotar um novo amigo. Os cães e gatos para adoção estarão devidamente cuidados, vermifugados e vacinados, além dos adultos estarem castrados.

Para adotar um pet, os interessados deverão passar por alguns procedimentos, como entrevista de análise. É necessário ser maior de 18 anos, levar cópias de identidade, CPF e comprovante de residência. A ONG disponibiliza um serviço de acompanhamento do adotado durante a ‘pós-adoção´, para certificar-se e ajudar na fase de adaptação com a nova família.

Os animais adotados já saem com uma plaquinha de identificação, que pode ser adquirida pelo valor de R$ 10, que será revertido para a ONG AdotaPetz. O espaço contará ainda com outros serviços como da Dog Training, de adestramento de cães, que orientará e fará demonstrações ao público; e da NutsPet, empresa especializada em alimentação natural para cães e gatos, que levará seus produtos para uma degustação. Além disso, todos os animais adotados ganharão a primeira consulta veterinária, que deverá ser previamente agendada.

Esperamos que esta nova edição conquiste ainda mais adotantes para que cães e gatos tenham a oportunidade de ganharem um novo lar”, declara Aline Ferraz, coordenadora de Marketing do shopping.

Serviço: 3ª edição da campanha de adoção de cães e gatos. Center Shopping Rio. Av. Geremário Dantas, 404 /  3º piso, Jacarepaguá, Rio de Janeiro/RJ. Sábado, dia 02 de setembro de 2017, das 13h às 18h. Entrada Franca. Informações: (21) 3312-5000.


sexta-feira, 25 de agosto de 2017

RJ: Campanha de adoção 'Ajuda Animal Ilha' acontece no ParCão da Ilha do Governador, neste sábado (26/08)



Rio de Janeiro, RJ. Neste sábado, dia 26/08, acontece mais uma edição da Campanha de Adoção de cães e gatos do Ajuda Animal Ilha. O evento acontece das 10h às 16h, no ParCão Ilha, que fica na Avenida do Magistério, em frente ao nº 330,  Corredor Esportivo, Moneró,  Ilha do Governador / RJ. 

Na campanha estarão presentes animais filhotes e adultos que foram resgatados na Ilha do Governador, alguns foram vítimas de maus-tratos e abandonados. São bichinhos que precisam de um lar cheio de amor para aprender que mesmo depois de tudo o que passaram, ainda podem ser felizes e levar felicidade para muitos lares.
.
Para adotar é preciso ter mais de 21 anos, apresentar documento de identidade e comprovante de residência (original e xerox).

Quem quiser ajudar os animais resgatados do Ajuda Animal Ilha pode fazer doações de ração seca ou pastosa (cão ou gato), material de limpeza (sabão em pó, água sanitária) , jornais, comedouros, guias e coleiras, remédios e vermífugos! 

Ao adotar um animal do Projeto Ajuda Animal Ilha, além de salvar uma vida, você dá chance para que que o grupo resgate outros animais! Não pode adotar? Divulgue muito o evento para que esses lindos bichinhos tenham mais chances de conseguir uma família! Adote, não compre! Compareça!
.
Confirme sua presença no evento: www.facebook.com/events/812788995561160/

Serviço: Campanha de adoção 'Ajuda Animal Ilha'. Avenida do Magistério, em frente ao nº 330, Corredor Esportivo, Moneró,  Ilha do Governador/RJ. Sábado, dia 26 de agosto de 2017, das 10h às 16h. Entrada franca.


sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Saúde animal: Conheça os cuidados com os gatos no inverno


Estação exige atenção especial com felinos, principalmente filhotes e idosos. Foto: Divulgação

O estilo de vida de gatos domésticos está causando tipos diferentes de comunicação, não só dentro da sua espécie, mas também entre os gatos e seus donos. É fácil atender as necessidades dos gatos, se soubermos as suas expectativas do ambiente, da alimentação e se entendermos como eles se comunicam dentro da nova estrutura social.

Por exemplo, com a entrada do inverno, o comportamento dos felinos muda, eles ficam encolhidos e buscam se aconchegar próximo aos cantos mais quentes da casa, o que inclui o colo do seu tutor, já que podem ter a imunidade mais baixa.

Confira alguns cuidados que o médico veterinário da Max Cat e Gerente Técnico Nacional da Total Alimentos, Marcello Machado, listou como os mais importantes nessa estação mais fria:


Foto: Pixabay
Alimentação e vacinação:Uma alimentação de qualidade é fundamental nesse período mais frio do ano, já que aliada à vacinação mantém a imunidade do gato, protegendo-o de doenças da época, como resfriados. Se o gato tem uma dieta de qualidade, não há necessidade de suplementação com vitaminas a mais do que existem na alimentação diária, apenas em casos de alguma afecção instalada.

As vacinas que o felino deve tomar necessitam ser alinhadas junto com o médico veterinário, com base na idade e no estilo de vida do gato, se vive dentro do ambiente ou não e se possui contato com outros animais. As principais vacinas indicadas nesse período são contra calicivírus, herpervírus e parvovírus, que são agentes causadores da gripe felina e no caso do parvovírus, a panleucopenia.

Foto: Pixabay
Higiene: No inverno, há maior proliferação de fungos. Por isso, lembre-se de limpar os comedouros e bebedouros dos gatos com água quente e enxugando bem, além disso aspirar tapetes e mobílias é de grande importância para não deixar aumentar as bactérias do ambiente. Nessa época de temperaturas mais baixas o banho também pode ser poupado para os felinos, e pode ser substituído por uma boa escovação, para manter os pelos bonitos e sem resquícios de sujeiras.

Água: Ofereça água, mesmo no frio, sendo em bebedouros e fontes automáticas distribuídas pela casa. Se o felino não costuma beber em temperatura muito fria e o tutor observar que a ingestão diminuiu, é aconselhável oferecer em temperatura ambiente. Outro forma de incentivar a ingestão é oferecer alimento úmido, assim como Max Cat Patê, que possui 80% de água no produto. Assim, o gato pode ter uma alimentação de qualidade, por ser um alimento 100% completo e ainda ingere a água que tanto necessita para a saúde.

Foto: Pixabay
Fase de vida do felino e o frio: Gatos filhotes e idosos são mais frágeis quando a temperatura abaixa. Pois a camada de gordura subcutânea é menor e os mecanismos fisiológicos do controle de temperatura são menos eficazes. No inverno, é importante deixá-los com acesso a ambientes internos, oferecendo cobertores para protegê-los das temperaturas baixas e ventos gelados.